Assinar: conteúdo | comentários

Pastor Maremano Abruzês

Pastor Maremano Abruzês é um cão de guarda e defesa do rebanho, desenvolve a tarefa da qual se desincumbe sempre com perspicácia, coragem e decisão. O seu caráter ainda que orgulhoso e alheio à submissão, também é devotado ao seu dono e a tudo que o cerca.

Origem: Itália

Nome de Origem: Cane da pastore Maremmano Abbruzzese

Utilização: Guarda e boiadeiro.

Histórico

Antiga raça canina de guarda do rebanho cuja origem são os cães pastores atualmente utilizados nos Abruzzos, onde ainda hoje prospera a criação de ovelhas e de cães pastores, há algum tempo presentes na Marema da Toscana e os do Lazio. Com a sazonal migração dos rebanhos de uma região para outra, especialmente desde 1860, favoreceu o desenvolvimento de um cruzamento natural dessas duas raças primitivas.

Aspectos gerais

Macho: Altura Máxima – 73 cm / Altura Mínima – 65 cm

Fêmea: Altura Máxima – 68 cm / Altura Mínima – 60 cm

Peso: machos de 35 a 45 quilos. Fêmeas de 30 a 40 quilos.

Temperamento: a sua função precípua de cão de guarda e defesa do rebanho e das propriedades em geral se evidencia através do desenvolvimento dessa tarefa da qual se desincumbe sempre com perspicácia, coragem e decisão. O seu caráter ainda que orgulhoso e alheio à submissão, também é devotado ao seu dono e a tudo que o cerca.

Pele: bem ajustada ao corpo em todas as regiões. Mais para grossa. A pigmentação das mucosas das rimas palpebrais, das almofadas plantares e digitais deve ser preta.

Pelagem: muito bem guarnecida. Pelo longo, mais para áspero ao tato, reto, bem assentado rente ao corpo. Tolerada leve ondulação. Forma uma rica juba em torno do pescoço e franjas de comprimento limitado na face posterior dos membros. Entretanto, é curto no focinho, crânio, orelhas e nas faces anteriores dos membros. O comprimento no tronco atinge 8 cm. O subpelo é abundante somente durante o inverno.

Cor: branco unicolor. Nuanças em marfim, laranja pálido ou limão são toleradas desde que não excessivas.

0saves
If you enjoyed this post, please consider leaving a comment or subscribing to the RSS feed to have future articles delivered to your feed reader.