Assinar: conteúdo | comentários

Mauren Motta apresenta o Pop-Art, o fofo Lhasa Apso

Comentários desativados em Mauren Motta apresenta o Pop-Art, o fofo Lhasa Apso


Mauren

Mais do que um companheiro, o Lhasa Apso Pop-Art, que convive com a Mauren Motta há 11 anos, se tornou um filho que, inevitavelmente, mudou alguns hábitos da jornalista e publicitária. Conheça um pouco desse relacionamento de cumplicidade e parceria:

Qual foi seu primeiro animal de estimação?

Foi a cadelinha Xuxa, que era uma mistura de poodle com vira-lata preta, quando eu tinha 13 anos.

Atualmente, quantos bichinhos tens em casa?

Um, o Pop-Art.

Como o adquiriu?

Conheci a raça Lhasa Apso através de uma vizinha da praia e me apaixonei. Eles são dóceis, meigos e parecem de pelúcia. Por coincidência, descobri que existia um criador da raça no RS que tinha uma loja em Capão da Canoa. Naquele tempo existiam poucos desta raça circulando pelas ruas. Fui até lá e me deparei com uns 30 pequenos filhotinhos que, nessa fase, parecem os gremlins antes de virarem monstrinhos, são muito fofinhos. Todos eram muito ativos e brincalhões. O único que não pulava, nem latia e que ficou quietinho na dele foi o que eu escolhi. O Pop-Art, nome que dei a ele, está comigo há 11 anos e continua dócil, tranquilo e loiro. Acho que ele realmente é meu filho, somos muito parecidos na loirice. Eu amo muito ele.

O que mudou na sua vida com a presença dele na sua casa?

Tornei-me mais caseira, mais responsável, porque ter um bichinho de estimação é complicado, eles demandam muita atenção e carinho. E eu amo isso! Como viajo muito, sem dúvida alguma, o que sinto mais falta é do Pop.

Art

Que tipo de alimentação ele possui, qual pet shop você o leva e com que regularidade?

Ele come só ração (Frost, Small Bites) e como prêmio, salsicha de peru light, de vez em quando, ou um peitinho de frango. Levo na Mundo Animal e no Hospital Veterinário da UFRGS. Vai uma vez por semana na pet para banho e vai no hospital para exames de check-up e atendimentos com profissionais especializados.

Na sua opinião, você diria que os pets são fundamentais para a sua felicidade?

São fundamentais, pois trato o meu cachorro como um filho e ele me dá carinho, atenção e é meu parceiro para todas as horas. Por ele ser um animal de pequeno porte, ele é meu companheirinho para tudo. Vai do salão de beleza ao trabalho sem incomodar.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
0saves
If you enjoyed this post, please consider leaving a comment or subscribing to the RSS feed to have future articles delivered to your feed reader.

Comments are closed.