Assinar: conteúdo | comentários

Focinho úmido é sinal de saúde

Comentários desativados em Focinho úmido é sinal de saúde


Quem já não se deparou com o focinho gelado e molhadinho de cães e gatos? Ou mesmo já levou uma bela lambida cheia de baba de seu amigo pet? Pois saiba que tais características são sinais de saúde. De acordo com o médico veterinário Pedro Henrique Cardoso, os focinhos dos cachorros e gatos são úmidos porque eles não possuem glândulas sudoríparas como os humanos, então, precisam “suar” por meio do nariz ou boca. “O focinho e a saliva ficam gelados por causa da água, que quando sai para o ambiente dá a sensação de gelada, mas na verdade, a temperatura é a mesma do ambiente”, explica.

O médico destaca ainda que o focinho seco ou quente é sinal de perigo e até mesmo indício de febre. O problema pode, por exemplo, sinalizar uma gripe ou uma infecção causada por micro-organismos, como as bactérias. Isso deixa o nariz do pet seco e com a temperatura alta. Doenças como cinomose também podem ser caracterizadas pelo nariz ressecado. “Caso os animais não apresentem características normais (focinho molhado) é bom procurar o veterinário o mais rápido possível pois pode ser alguma patologia grave”.

Vale lembrar que em cães, a temperatura corporal é mais elevada, cerca de 38 ou 39 graus, então, nem sempre o fato do animal estar quente significa sinal de febre ou doença grave. Uma boa dica é sentir a temperatura do animal na barriga, onde não há presença de pelos. O uso do termômetro também é indicado, que deve ser introduzido no ânus do bichinho.

Calor e verão

Com a chegada do verão, os médicos orientam que os donos redobrem a atenção com seus bichinhos. Os cães precisam de muita sombra e água fresca, já que podem até morrer devido ao aumento da temperatura corporal. Como prevenção, o ideal é que nunca o cão seja exposto ao sol por muito tempo, e exemplares brancos ou albinos merecem cuidados redobrados, já que os raios solares passam mais facilmente pelo pelo claro.

Lembrando que deixar o animal dentro de automóveis também está fora de cogitação. Mesmo em movimento ficou comprovado que os pets sofrem de calor e desconforto. Nesses casos, uma boa medida é o ar condicionado e levar com você um borrifador com água e borrifar diretamente na boca do cão.

Preste também atenção nos horários de passeios com o animal. É necessário para que eles se movimentem, façam suas necessidades, brinquem e se divirtam. Mas fique atento com os horários. Talvez o que é conveniente para você não seja para seu pet. Levar o cachorro para passear ao meio dia causará um grande desconforto nas patinhas do animal. Lembre-se, ele não usa calçados como você. Evite caminhar em horários em que o sol está mais forte. O ideal é que as caminhadas aconteçam bem cedo ou à noite, quando o clima está mais ameno e o chão fresquinho.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
0saves
If you enjoyed this post, please consider leaving a comment or subscribing to the RSS feed to have future articles delivered to your feed reader.

Comments are closed.