Assinar: conteúdo | comentários

Tosar é um cuidado para aparência e higiene

Comentários desativados em Tosar é um cuidado para aparência e higiene


Você sabia que a tosa nos animais não está direcionada apenas à aparência? Pois é, este cuidado é também muito importante para a higiene deles. Existem pessoas que tosam seus animais por questões de estética, sem considerar o quanto isso fará bem ou mal a eles. É importante ressaltar que a tosa é saudável, mas nem sempre para todos os animais.

Quando tosamos um animal estamos contribuindo na prevenção de doenças de pele, problemas ocasionados por pulgas e carrapatos, além da queda dos pelos que pode acontecer devido ao comprimento e embaraço.

Por mais que estejamos falando da tosa, é muito importante também a escovação. Animais de pelo longo, por exemplo, devem ser escovados diariamente. Isso porque a remoção dos pelos mortos ajuda na circulação e ativa o sistema imunológico. Já se tratando de animais com o pelo curto, é recomendado que se escove ao menos uma vez por semana. Os pelos quando embaraçados, podem abafar a pele e propiciam o surgimento de fungos, micoses e consequentemente dermatites.

Existem algumas raças que não devem ser tosadas, nunca. São os animais de pelos curtos que trocam de pelagem duas vezes ao ano. Já para outros, a tosa é necessária, assim nascerão pelos mais fortes. Porém devemos ficar atentos, pois, existem casos, que quanto mais cortamos o pelo, mais feio ele fica.

A tosa higiênica é feita principalmente no inverno e em animais de pelos longos. Ela é feita na região genital e nas patinhas garantindo a higiene por determinado período, ajudando também a acertar a forma dos pelos. Nos machos a tosa também deve ser feita na barriga, evitando que o animal se suje ao fazer xixi, já que o seu pipi está voltado para frente. Ah, as unhas são cortadas e as orelhas limpas, sempre.

O procedimento na conhecida “tosa bebê” é feito com tesoura e ajuda de pentes. Ela é prática e permite que as escovações sejam em menos quantidade, já que ela diminui o risco do pelo embolar. Converse com o tosador para definir o quanto vai ser cortado, o que normalmente fica entre um e dois dedos.

Para saber de quanto em quanto tempo é necessário a tosa, o ideal é consultar um veterinário de confiança. O tempo entra cada tosa vai ser de acordo com o crescimento do pelo e a necessidade de cada animal.

O carinho com que se cuida e trata cada animal é a garantia que tais procedimentos estão sendo feitos de maneira correta. Fatores essenciais para a satisfação, tanto do cliente, quanto do animal que sabe quando é bem tratado.

Se você é marinheiro de primeira viagem e não sabe por onde começar na hora de decidir se vai tosar ou não, tome muito cuidado. Leve o seu animal a um pet shop de confiança. Conheça o espaço antes, verifique quais os procedimentos dos profissionais, se utilizam materiais de qualidade. Observe se ambiente e os instrumentos utilizados estão limpos e bem conservados. Se quiser verifique também a temperatura do secador, ele deve estar entre frio e morno para evitar queimaduras ou um choque térmico.

Ainda tem dúvidas? Então, converse com os seus vizinhos, pergunte quais locais eles levam seus animais de estimação. O acompanhamento de um veterinário também é muito importante, principalmente antes da primeira tosa. Afinal, garantir a saúde dos nossos amigos é fundamental.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
0saves
If you enjoyed this post, please consider leaving a comment or subscribing to the RSS feed to have future articles delivered to your feed reader.

Comments are closed.