Assinar: conteúdo | comentários

Limpeza contribui para a saúde do seu bichinho

Comentários desativados em Limpeza contribui para a saúde do seu bichinho


A vacinação anual e os vermífugos a cada quatro meses são cuidados básicos de que todo bichinho de estimação precisa. Essas medidas o protegem contra ameaças depositadas “literalmente” pelo caminho – nas fezes deixadas por outros bichos que passearam pela rua, por exemplo – e que são capazes de transmitir verminoses, dermatites e infecções. Exames de sangue, fezes e urina devem ser periódicos. “Eles ajudam a detectar bactérias e fungos que aparecem devido ao descuido com a sujeira da casa ou do próprio animal”, alerta o veterinário Celso Martins Pinto, de São Paulo. Respeitadas essas recomendações, seu bicho só precisa contar com a expertise do dono na hora da limpeza geral. Confira as dicas:

Faxina na casa

Fazer uma boa limpeza na casa é fundamental para prevenir dermatites, infecções e verminose. Veja o que fazer:

* Prato e bebedouro: a regra é sempre servir água e comida frescas em tigelas limpas. A cada troca, lave-as com sabão neutro e água corrente para evitar a proliferação de fungos causados pela umidade do alimento.

* Limpeza do chão: deve ser frequente para que micro-organismos não se alastrem, possibilitando uma infecção daquelas – com diarreia e vômito no pacote. Mas atenção: não é recomendável usar qualquer produto de limpeza. Nas pet shops é possível encontrar desinfetantes específicos que previnem alergias nas mucosas e na pele do bicho se ele encostar na solução.

* O “banheiro” animal: hoje existem tapetes higiênicos que absorvem melhor a urina e as fezes do que o jornal. Alguns modelos ainda evitam que as patas do bicho entrem em contato com o material fisiológico. Por último, lembre-se: seu bichinho não merece comer perto do local onde faz xixi. Mantenha o “banheiro” dele bem longe da comida.

Faxina no bichinho

* Dentes: cuidar da saúde bucal do bicho três vezes por semana impede que as doenças periodontais ataquem a boca de seu cão, causando aquele bafo ou deixando-o banguela. Assim, mantenha a escova canina sempre a postos. * Banho: um banho a cada 15 dias é o suficiente.

* Orelhas: seu veterinário pode recomendar produtos específicos para a higiene das orelhas. Esse hábito semanal afasta fungos e infecções que podem levar à surdez.

* Pelo: escová-lo diariamente dá brilho à pelagem, evita que os fios fiquem espalhados pelo chão e elimina os fios mortos que ainda não caíram e formam aqueles nós responsáveis pela coceira. Aproveite a sessão de beleza e aplique no pescoço e na pele do seu amigo remédios contra pulgas e carrapatos.

Fonte: MdeMulher

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
0saves
If you enjoyed this post, please consider leaving a comment or subscribing to the RSS feed to have future articles delivered to your feed reader.

Comments are closed.