Assinar: conteúdo | comentários

O perigo dos remédios humanos para os animais

Comentários desativados em O perigo dos remédios humanos para os animais


Foto: FreeDigitalPhotos.net

É comum ver em animais casos de intoxicação, alergias ou reações adversas a determinados remédios que são inofensivos aos humanos e a outras espécies.

“Parece que a adaptação do cão à vida doméstica aconteceu também no campo terapêutico e a automedicação tem se tornado cada vez mais comum”, revela Dra. Carla Berl, diretora do Hospital Veterinário Pet Care.

Além da intoxicação por conta do medicamento não ser adequado para cães, muitas vezes o remédio é administrado em doses inadequadas. “Outras vezes a intoxicação ocorre com medicamentos tópicos, pois o animal pode lamber pomadas e outras soluções”, pontua.

Gatos são ainda mais sensíveis e apresentam grande intolerância a medicamentos que são usados sem problemas em cães e humanos. “Não é raro um gato morrer ou correr sério risco de vida devido à intoxicação medicamentosa”, conta a veterinária.

“Em dezembro atendemos o Dourado, um lindo gato SRD que se intoxicou gravemente com a aplicação de um Piretróide usado no controle de pulgas e carrapatos. Ele ficou internado recebendo droga anticonvulsiva em infusão contínua por mais de 18 horas. Ficou bem, mas muitas vezes não conseguimos reverter alguns quadros de intoxicação”, pontua Dra. Carla.

Para que cada vez menos casos como estes aconteçam, separamos uma pequena lista de medicamentos proibidos. Alguns são fatais e outros podem causar reações adversas na dependência da dose e da sensibilidade do indivíduo. Lembre-se, procure SEMPRE a ajuda de um veterinário.

GATOS -MEDICAMENTOS PROIBIDOS:

* Acido acetil salicílico (Aspirina®)

* Paracetamol (Tylenol®, Anador®)

* Pseudoefedrina (Claritin®, Tylenol Sinus®, Loratadina®)

* Salicilato de Bismuto (Pepto Bismol®, Peptozil ®)

* Iboprofeno (Advil®)

* Piroxican (Feldene®, Inflamene®)

* Enema de Fosfato (Fleet Enema®)

* Xampu a base de Alcatrão (Sebotrat -O®, Ionil T®, Politar®)

* Xampu com Benzoato de Benzila (Acarsan®)

* Xampu com Acido salicílico.

* Xampu com Sulfeto de Selênio (Selsun Ouro®, Selsun Azul®)

* Peroxido de Benzoila – usar com cautela (Peroxidex®, Sana Dog®, Pertopic®)

* Piretróide (Antiparasitário como Butox® )

* Levamisol (Ascaridil®)

* Azatioprina (Imuram®)

* Piridium®

* Diclofenaco potássio (Cataflan®)

* Diclofenaco sódico (Voltaren®)

 

 CÃES – MEDICAMENTOS PROIBIDOS:

* Diclofenaco de potássio (Cataflan®)

* Diclofenaco sódico (Voltaren®) e a grande maioria dos anti-inflamatórios de uso humano.

* Piridium®.

CÃES – MEDICAMENTOS DE USO RESTRITO:

* Ivermectina (Ivermec®, Vermectil®, Ivomec® entre outros). A ivermectina tem amplo uso em cães, mas os raças Collie, Border Collie, Pastor de Shetland, Sheepdog, Bearded Collie, Pastor Australiano e todos os seus cruzamentos são intolerantes ao seu princípio, apresentando sérias alterações neurológicas.

CÃES – MEDICAMENTOS DE USO CONTROVERSO:

* Acetaminofem/Paracetamol (Tylenol®)

* 5- Fluororacil (Efurix®). De uso tópico se ingerido causa grave intoxicação.

* Risperidona (Risperidon®).

CÃES – MEDICAMENTOS QUE REQUEREM CUIDADO NA DOSE:

* Metronidazol (Flagyl®). Dose alta pode causar sintomas neurológicos.

* Sulfa-Trimetroprina (Bactrim®). Quando em dose alta podem causar displasia de medula óssea levando a anemia e Hepatopatia em Labradores

* Sulfassalazina (Azulfin®). Pode causar olho seco (KCS) nos cães.

* Aspirina. A dose em cães deve ser muito menor que a dose em humanos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
0saves
If you enjoyed this post, please consider leaving a comment or subscribing to the RSS feed to have future articles delivered to your feed reader.

Comments are closed.